Dedé e a noite madrileña

segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Visitinha frequente, Dedé apareceu por aqui pra desbravar a noite madrilenha com a gente. Ô povo que não gosta de ficar parado. Primeiro, porque tem bar pra tudo: pra comer, pra beber e pra dançar. Segundo, que mesmo assim, eles ainda vão pulando entre vários da mesma categoria. Dá nem pra embebedar, porque quando a cerveja tá subindo você já tá começando uma caminhada nova...

A coisa funciona assim: até meia-noite e pouquinho você fica pulando de bar em bar, entre os que servem comida. Deu o horário os bares fecham e aí você passa para o bar de "copas". Lá as bebidas já são mais carinhas, a música é alta, igualzinho a uma boate comum. Só que às 3h30 da manhã eles apagam a luz, desligam a música e botam todo mundo pra fora. Pro desavisado que ainda estiver no meio do drinque eles são bonzinhos e oferecem copos de plástico.

Aí vai todo mundo pra boate (é uma galera andando em bando, engraçadíssimo!), encarar as filas gigantes pra entrar às 4h. Ou seja, uma verdadeira maratona!

Bom, seguem as fotinhos, sem legendas, porque foto de bar se explica sozinha e eu não lembro do nome da metade deles mesmo...













4 comentários:

Pedro disse...

Putz me aguardem... uahuahuha

Beijos e abraços Pedrinho.

Andy disse...

Rapaz, quanta mulher!

Marcelinha disse...

Gente, o André já foi praí?? hahaha Que folga...

Mariana Souza disse...

aeeeeeeeeee
viva as festinhas!
viva!
que bom ver o casalzinho na diversao!
e o bom e velho dedé de visita degustando cervejinhas com o querido ale!!!!